Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MUSICPORTUGAL

Aqui, APOIAMOS O TALENTO NACIONAL!

MUSICPORTUGAL

16 de Abril, 2020

GIRA-DISCOS MUSICPORTUGAL: Ludwig van Beethoven, Westminster Choir, Philadelphia Orchestra, Riccardo Muti, James Morris - Symphony No. 9 in D Minor, Op.125 'Choral': Ode to Joy

Mais um episódio do programa "GIRA-DISCOS MUSICPORTUGAL".

 

Hoje, trazemos-te um clássico... não um clássico da música rock, pop, dance, não, mas sim uma verdadeira música clássica! Neste programa podes ouvir a Sinfonia n.º9 de Beethoven, interpretada pelo coro de Westminster, com a Orquestra de Filadélfia, o maestro Riccardo Muti e o cantor de ópera James Morris.

 

 

 

Todos os episódios do novo podcast de música da MUSICPORTUGAL disponíveis no nosso site em http://musicportugal.pt/tag/gira-discos+musicportugal.

 

Também disponível no SPOTIFY em https://open.spotify.com/show/7eA4DCSgdzMhYXb0vqu8M0 e nas habituais plataformas de podcast.

 

beethovenfull.png

16 de Abril, 2020

MÚSICA NOVA DO DIA I POP DELL'ARTE - SEM NOME

Algo sem nome? Anti-pop? Anti-rock? Anti-sistema? Ou apenas um manifesto sobre o direito de não ter nome? Nem nome. Nem identidade. Nem género, pátria ou lei. “Sem Nome” foi o tema escolhido para apresentar o novo álbum dos Pop Dell’Arte, “Transgressio Global”, que esteve com data de edição agendada para 20 de março, mas foi adiado em virtude da situação que se vive actualmente em Portugal e no mundo.

 

O vídeo de “Sem Nome” foi realizado por Paulo Monteiro, guitarrista da banda, a partir de imagens recolhidas na sala onde ensaiam, numa estética também ela sem nome. Para além de João Peste (voz) e Zé Pedro Moura (baixo), o novo registo conta com a estreia do baterista Ricardo Martins.

 

A transgressão é a palavra-chave do novo trabalho dos Pop Dell'Arte. “Transgressio Global” percorre várias sonoridades, mantendo sempre a identidade musical transgressiva da banda, e visita várias épocas históricas, como se o tempo se comprimisse num presente feito de vários tempos.

 

 

popdellarte.jpg

 

16 de Abril, 2020

MÚSICA NOVA DO DIA I TAINÁ - CAMINHO

Tainá preparava-se para uma digressão de salas, que a levaria aos mais diversos palcos de norte a sul do país. Com a eclosão da pandemia as apresentações ao vivo ficam, por ora, adiadas mas nem por isso Tainá baixa os braços, mantendo o lançamento dos videos dos dois singles que preparou para esta primavera, o primeiro dos quais, “Caminho”.

 

Gravado nos Açores o video de “Caminho” transporta-nos para paisagens com várias tonalidades de verde, que nestes tempos de isolamento social tornam as nossas memórias e esperanças mais vívidas. “Caminho” continua a revelar o mundo telúrico que Tainá nos apresentou em Sonhos”, single com que se deu a conhecer e primeira amostra do seu disco de estreia, homónimo, lançado em 2019. Se “Sonhos” foi escrito na protecção do seu quarto, quando da meninice brotavam impulsos antagónicos de sede de descoberta do mundo e receio de nele se perder, já “Caminho” mostra que Tainá perdeu o medo, saiu para a rua e deu-se a metamorfose: a menina, que é agora mulher, está a cumprir o sonho de mostrar a sua mensagem ao universo e de ajudar as pessoas a sentirem-se bem, quando ouvem a sua voz e as letras e músicas que compõe e interpreta.

 

Nas palavras de Tainá, «“Caminho” é sobre se auto conhecer. Seja você criança, jovem ou adulto tem um caminho interior para traçar. É deixando esse caminho fluir que descobrimos que o tamanho do nosso corpo é muito pequeno para a imensidão que somos».

 

 

taina_caminho.jpg

 

16 de Abril, 2020

MAIS DE 80 MÚSICOS PORTUGUESES JUNTAM-SE NO PROJETO 80EM40TENA PARA CRIAREM UMA CANÇÃO INSPIRADORA PARA ESTES ESTRANHOS TEMPOS QUE VIVEMOS, "NÃO É O FIM"

Ana Isabel Batista, Ana Laíns, Ana Rita Inácio, Anabela, André de Brito, Andrea Verdugo, Bruno Correia, Carla Ribeiro, Carlos Alberto Moniz, Cristina Quest, Cristina Roque, Elisabete Brás, Fernanda Lopes, Frederico Braga da Costa, Gerson Marta, Gimba, Irina Furtado, Isabel Campelo, Jacinta Jazz, João Baião, João Oliveira, Lua, Lúcia Moniz, Luiz Caracol, Manuel Guerra, Manuel Lourenço, Marco António, Mário Mata, Melanie Salomão, Ménito Ramos, Mila Belo, Nelson Luis, Nuno Barroso, Patrícia Antunes, Patrícia Candoso, Paula Pires, Paula Teixeira, Paulo Brissos, Paulo Pacheco, Paulo Ramos, Pedro Mimoso, Pedro Pereira, Pedro Pires, Pedro Soares, Pedro Vaz, Piedade Fernandes, Ricardo de Sá, Ricardo Monteiro, Ricardo Quintas, Rui Bandeira, Rui Rocha, Sandra Camilo, Sandrine Orsini, Sara Paixão, Sebastian Noir, Sérgio Rossi, Sophia Gaspar, Telmo Miranda, Tiago Barbosa, Toy, Tozé Santos (Perfume), Vanessa Silva e Wanda Stuart... todos juntos numa canção... é possível?

 

A pergunta a fazer nestes dias é mesmo essa! O que acontece quando se reúnem (virtualmente, claro) mais de 80 músicos portugueses? Nasce uma canção inspiradora para estes estranhos tempos que vivemos: "Não é o Fim".



A ideia do tema nasceu do músico português Paulo Brissos que, rapidamente decidiu falar com outros colegas de profissão e tornar uma simples canção, num manifesto aos tempos atuais. Um manifesto em prol da futura AMP - Associação dos Músicos de Portugal. Uma associação onde cabem todos os músicos portugueses.

Com mais de 80 colegas envolvidos (18 instrumentistas e 62 cantores) todos em quarentena, nasce o nome do projeto 80em40tena

80em40tena é assim a demonstração de força de alguns dos trabalhadores mais afetados nestes últimos meses (e os seguintes): quem trabalha diretamente em Cultura, com o público. Desde os músicos aos técnicos muitas vezes esquecidos das luzes da ribalta mas, tão ou mais importantes como aqueles que dão a voz, a cara.  

 

Salientamos que todos os músicos portugueses podem fazer parte da AMP - Associação dos Músicos de Portugal. Para tal, basta acederem às redes sociais da associação já criados e tomar conhecimento de como aderir.

 

 

naoéofim.png