Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MUSICPORTUGAL

APOIAMOS O TALENTO NACIONAL! 🇵🇹

28.10.20

MÚSICA NOVA DO DIA I FREDERICO BC - OLHA BEM PRA MIM


Tiago Ferreira

“Olha Bem Pra Mim” é o novo single de Frederico BC. 

Será que é tudo ilusão? Será que é tudo uma grande confusão? Será que aquilo que os nossos olhos vêm é o que realmente acontece? A temática está em voga, o dia-a-dia das redes sociais é retratado satiricamente nesta música por Frederico BC. “Se há uns anos nos dissessem que o nosso estado de espírito seria capaz de se deixar influenciar por um telefone nós riamos-nos do mundo. Hoje é o mundo que se ri de nós e eu quero muito dar gargalhadas neste mundo”.

Com letra e música de Frederico BC este “Olha Bem Pra Mim” traz um dado novo à carreira do artista, visto que foi o próprio que gravou, tocou e produziu na totalidade esta música e o seu videoclipe. “Desta vez decidi fazer tudo sozinho, gravei e toquei todos os instrumentos, misturei, masterizei, filmei, fotografei, recortei e criei todos os adereços. Do primeiro som à última imagem foi tudo feito por mim. Adoro desafios e precisava deste desafio na minha vida. Precisava de provar a mim mesmo que era capaz. Não sei se fui, ou se não fui, mas sei que foi uma experiência muito divertida e que quero voltar a repetir.”

Esta é uma das muitas músicas que Frederico BC tem preparadas para o seu próximo álbum e será certamente uma das músicas que artista irá levar ao palco do Auditório do Casino Estoril no dia 28 Novembro (bilhetes disponíveis aqui).

 

 

FREDERICO BC.jpg

 

28.10.20

WINDOH - FREAKY (letra)


Tiago Ferreira

[Intro]
Eu 'tou na rua, com a crew up 'tou flexible
E se tu queres colar, 'tão pull up ou let me go
E se eu não acordar sóbrio foi p'ra não ver esse ódio
Essas quedas deixam-me sábio enquanto a conta sobe

[Refrão]
Eu vou falar do meu cachê, whatchu' talkin' 'bout?
Eu tenho a coroa na minha head, whatchu' talkin' 'bout?
Que eu tenho a family na back, whatchu' talkin' 'bout?
Eu só 'tou cruisin' num BM, whatchu' talkin' 'bout?

[Verso 1]
Freaky, eu sinto-me freaky
Saí do meu quarto só p'ra me tornar o maior da minha city
Não quero obstáculos, eu só quero tornar o meu caminho nítido
Quem tem olho é rei e eu tornei-me o rei nessa terra da míopia
Eu 'tou à frente da moda, sem pé no travão
Rico tipo um chefe da droga, tira o meu name da tua boca
Pego no meu beamer like *skrt*
Uh, não sei a minha rota
(Não sei a minha rota, não sei a minha rota)
So whatchu' talkin' about?
'Tou atrás da banca, não
'Tou atrás do new cash que é p'ro old cash ir p'ra bank account
Então deixa-me ser eu próprio, eu já nasci p'ra ser tópico
'Tás preocupado em ser cópia
Ballin', eu 'tou a parecer o Kobe (Bry)

 

[Refrão]

Eu vou falar do meu cachê, whatchu' talkin' 'bout?
Eu tenho a coroa na minha head, whatchu' talkin' 'bout?
Que eu tenho a family na back, whatchu' talkin' 'bout?
Eu só 'tou cruisin' num BM, whatchu' talkin' 'bout?

[Verso 2]
Eu só vim cá p'ra te inspirar, yah
But I don't wanna save nobody, yah
Desconhecidos na minha party, yah
Querem ocupar o meu lugar

Eu só vim cá p'ra te inspirar, yah
But I don't wanna save nobody, yah
Desconhecidos na minha party, yah
Querem ocupar o meu lugar

[Bridge]
Eu 'tou na rua, com a crew up 'tou flexible
E se tu queres colar, 'tão pull up ou let me go
E se eu não acordar sóbrio foi p'ra não ver esse ódio
Essas quedas deixam-me sábio enquanto a conta sobe

[Outro]
Eu vou falar do meu cachê
Eu tenho a coroa na minha head
Eu só 'tou cruisin' num BM
Enquanto a conta sobe

 

Eu tenho a coroa na minha head
Eu só 'tou cruisin' num BM)

 

 

windoh freaky.jpg

28.10.20

MÚSICA NOVA DO DIA I MALÚ GARCIA - PARADIGMAS


Tiago Ferreira

"Paradigmas" é o primeiro single da violinista Malú Garcia numa combinação entre world music, jazz e baião, de sua autoria em parceria com Pedro Baião.


Este single junta instrumentos como o Violino, Guitarra Portuguesa, Piano, Percussão e Contrabaixo.
Uma música alegre e de esperança que foi inspirada pelos paradigmas atuais da sociedade. 

 

 

MALU GARCIA PARADIGMAS.jpg

 

28.10.20

ÁLBUM DA SEMANA #24: IRMA - PRIMAVERA


Tiago Ferreira

O lançamento de PRIMAVERA, o álbum de estreia de IRMA, coincide não por acaso com o aniversário da artista, marcando de forma simbólica o nascimento de uma promissora cantora, letrista e compositora da nova geração.

 

IRMA é uma artista completa que, apesar de se ter primeiro afirmado junto do grande público enquanto actriz, tem no canto e na composição a mais antiga expressão do seu talento, que revelou ainda criança e que agora abraça em paralelo à representação. 

 

Autora das músicas e letras dos 9 temas que compõem PRIMAVERA, IRMA partilha os arranjos e produção com Pity.  

 

IRMA nasceu em Lisboa mas a sua identidade reflete forte influência da cultura angolana, ou não fosse Angola o país de origem dos avós com quem cresceu. Aos 12 anos herdou uma guitarra da mãe, que não mais parou de explorar ao mesmo tempo que se aventurava na escrita de canções, primeiro dentro do seu quarto e a pouco e pouco com a porta aberta para o mundo. Licenciada em Artes Performativas, porque sempre acreditou que música, teatro e dança se complementam. Soma vários papéis enquanto atriz de ficção transmitida nos vários canais nacionais e já fez parte do elenco de vários musicais: "Entre o céu e a terra", " A bela e o mostro", "Terra dos sonhos", "Eusébio, um hino do futebol" e “ZOO”.

 

Nas palavras de IRMA, «Esta PRIMAVERA vem renovar. Renovar votos com o compromisso que tenho com os meus sonhos. Esta PRIMAVERA vem falar do coração, vem lembrar que a qualquer hora, em qualquer lugar, somos da mesma pele. Pede para não te ires embora e que esperes pela Alfazema que vai florescer. Espera que acredites que as crianças podem salvar o mundo. Beija-te e depois pede para te ires embora sem medo da saudade. A saudade tem isto, não precisas de te lembrar porque nunca te vais esquecer.»

 

E o que é que IRMA tem a dizer sobre cada tema do álbum PRIMAVERA?

 

CORAÇÃO - O Coração abre caminho para o renascer. É o início da Primavera, o início do nascer. Escrevi-o em novembro de 2018 e nem sabia que ia fazer um disco. Mas depois vem a Primavera...

 

A QUALQUER HORA - Há 10 anos fiz o A qualquer hora. Só para recordar que não há condição para amar. Não há tempo, não existe lugar, nem forma de se amar melhor ou pior. Existe amar e tudo o que não parece amor não é amor. Não se confundam.

 

 

DA MESMA PELE - Eu costumo dizer que em qualquer relação tem que existir volta e meia actualização. Como nas aplicações. Temos de nos actualizar com o outro. Saber que estamos na mesma página, mesmo que o tempo já nos tenha colocado num lugar diferente. Mas mesmo em lugares diferentes podes sempre escolher não largar a mão, estar sempre para sempre. 

 

 

ALFAZEMA - Fiz o Alfazema num dia de pós-parto por isso não posso dizer com toda a certeza que o dia era triste. Existe 99% de chances de ter sido só hormonal. O alfazema fala de quem sou sem me julgar. É um exercício de não me pôr em causa.

 

BEIJA-ME A BOCA - Não se vai embora sem se estar bem. Não se dorme sem um beijo de boa noite. Aquela sensação de medo da perda. Eu tenho muito medo da perda, se calhar é por isso. Evito ir-me embora sem me despedir. 

 

MONAMI - O Monami foi uma carta escritas a todas as crianças para crescerem com a noção de que podem salvar o mundo. A sensação que eu tenho é que As crianças são a semente de todas as flores que podem nascer. Cada um de nós tem que assumir responsabilidade pela própria vida, pela sociedade e pelo mundo.

 

 

NÃO VÁS - O Não Vás conta a história do amor com amor se paga. Não é clichê nenhum. Tudo aquilo que damos realmente recebemos a dobrar e muitas vezes não é de uma forma evidente. O retorno pode vir em múltiplas formas e devemos estar mesmo conscientes disso. Devemos saber cuidar para ser cuidados. Dar atenção, estar atentos ao outro. 

 

SAUDADE - O Saudade é das minhas músicas preferidas do álbum. Às vezes é muito duro saber lidar com ela mas não temos o mínimo controlo da saudade, do sentir falta. Há várias formas de a sentir. Ela existe no micro e no macro. Na saudade que está perpetuada ou na saudade momentânea. E acho que tem que ser sentida porque enquanto ela existe é porque ainda não te esqueceste.

 

SAI SÓ - O Sai Só é uma música que gritar para saíres do caminho se não há mais nada para contar. Se não temos mais nada que crie valor. Fiz o Sai Só na sequência de uma relação tóxica, daquelas de onde ninguém consegue sair mas que, efectivamente, já não tem nada para dar.

 

Este é o ÁLBUM DA SEMANA para a tua MUSICPORTUGAL! Aqui, APOIAMOS O TALENTO NACIONAL!

 

 

irma primavera.png

28.10.20

MÚSICA NOVA DO DIA I MATAY - CONFIA


Tiago Ferreira

“Confia” é o nome do novo single a solo de Matay.

 

Disponível a partir de hoje, o tema com letra e música de Agir, aborda a complexidade do Amor que, oscilando entre momentos emocionalmente mais favoráveis e outros mais exigentes, pode levar à desesperança. “Confia” é um hino à vida e prova uma vez mais que é impossível ficar indiferente à voz de Matay que, com uma técnica irrepreensível e uma interpretação de excelência, junta o calor das suas raízes africanas a outras influências como a Soul e o Gospel.

 

 

matay confia.jpg

 

28.10.20

BANDA SONORA I "BEM ME QUER" TVI


Tiago Ferreira

Aqui está a banda sonora da nova novela da TVI, "Bem Me Quer":

 

 - Joana Almeirante - Bem Me Quer

 

 

 

 

 

 

 

 - João Pedro Pais - Fazes-me Falta

 

 

 

 

 

 

 

 - Virgul - Dividir Amor

 

 

 

 

 

 

 

 - D.A.M.A - Tento

 

 

 

 

 

 

 

 - João Só e Tiago Nogueira - Maldita a Hora

 

 

 

 

 

 

 

 - Blaya - +Mais

 

 

 

 

 

 

 

 - Fernando Daniel - Cair

 

 

 

 

 

 

 

 - Jorge Fernando - É ou não É

 

 

 

 

 

 

 

Tudo sobre a novela "Bem Me Quer" em https://tvi.iol.pt/bemmequer.

 

bem me quer tvi.png

23.10.20

"O MELHOR" DAS DOCE EDITADO EM NOVA COMPILAÇÃO


Tiago Ferreira

Um mês antes de chegar às salas de cinema o filme “Bem Bom”, que retrata a vida e o percurso das Doce, chegou esta sexta feira, dia 23 de outubro, às lojas a compilação “Doce – O Melhor”.

 

“Doce – O Melhor” reúne êxitos que ainda hoje são conhecidos de todos e que não saem da memória dos portugueses, como “Amanhã de manhã”, “Ali Babá”, “Bem Bom”, entre muitos outros.

 

Formadas em 1979, as Doce foram a primeira girlband portuguesa. Fátima Padinha, Laura Diogo, Lena Coelho e Teresa Miguel são as protagonistas deste grupo que revolucionou o panorama musical dos anos 1980 e se tornou numa das mais famosas e intemporais bandas portuguesas. Venderam quase 250 mil álbuns e atingiram o 1.º lugar do top de vendas por diversas vezes.

 

“Doce – O Melhor” é editado hoje e inicia assim uma série de homenagens que vão ocorrer nos próximos tempos e que trazem de volta as canções deste grupo icónico.

 

 

Estas celebrações incluem a estreia do filme “Bem Bom”, no dia 26 de novembro. O filme retrata a vida das quatro cantoras e acompanha o percurso do grupo desde a sua formação, em 1979, até ao pico do sucesso.

 

Aqui fica o trailer oficial de "Bem Bom".

 

 

DOCE O MELHOR.png

23.10.20

LUKIE, UMA DAS NOVAS VOZES MOÇAMBICANAS, LANÇOU HOJE "É REAL" A SUA PRIMEIRA OBRA DISCOGRÁFICA. DESCOBRE AQUI NA MUSICPORTUGAL.


Tiago Ferreira

Uma das novas vozes moçambicanas, lança hoje a sua primeira obra discográfica. “É Real” é a estreia de Lukie nos álbuns e já se encontra disponível em todas as plataformas digitais.   
 

Das 16 faixas que compõe este trabalho, fazem parte os quatro temas de avanço já partilhados com o público: “Juntos Estamos Bem”, “Mudei Por Ti”, “ Khinera” e “Kalay”. Já o videoclip de “Joãozinho”, um tema também familiar para muitos dos fãs da artista, está também a partir de hoje disponível no Youtube.   

Misturando o português com o macua, “Joãozinho” é uma música de amor, onde Lukie se inspira num homem imaginário, à sua medida, e do qual tem a vontade e o desejo de estar sempre perto e nunca se quer separar. No entanto, quando estão bem, há sempre alguém que os quer prejudicar mas, com o amor de ambos, a relação continua.   

 

 

“Ele é o tempero do feijão dela. A música já diz tudo!”, acrescenta a artista. 


Este e os restantes temas do primeiro álbum de Lukie - “É Real”-, podem já ser ouvidos nas principais plataformas digitais. 

 

 

lukie é real.png

23.10.20

JOÃO COUTO - OS MEUS AMIGOS (letra)


Tiago Ferreira

OS MEUS AMIGOS TÊM A MALA FEITA

EU POR CÁ NEM LEVANTEI SUSPEITA

E FIQUEI

ENTRE O SIM E O NÃO

PRESO À MESMA CANÇÃO

CADA UM É BOM NO QUE COMPETE

EU COLADO À TEMPORADA SETE,

PAREI

FRENTE À TELEVISÃO

COM A FACA E O QUEIJO NA MÃO

 

FALTA O NORTE

FALTA UMA RESPOSTA

SAIO E BATO COM O NARIZ NA PORTA

E ENTÃO?

PERCO A SORTE

NUMA MÁ APOSTA

NESTA ESTRADA EU SÓ CONDUZO

EM CONTRAMÃO

 

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

OS MEUS AMIGOS NÃO

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

OS MEUS AMIGOS NÃO

 

PAIS E IRMÃOS LEVAM TUDO A EITO

E EU COM MEDO OU SÓ ME FALTA JEITO

NÃO SEI

VEJO A SITUAÇÃO

LÁ MAIS PARA O FIM DO VERÃO

OS MEUS AMIGOS SABEM QUE FAZER

SÃO OS HERÓIS QUE EU TENHO E NUNCA VOU SER

MAS O QUE ME FALTA A MIM?

SAIR DE VEZ DAQUI

 

FALTA O NORTE

FALTA UMA RESPOSTA

SAIO E BATO COM O NARIZ NA PORTA

E ENTÃO?

PERCO A SORTE

NUMA MÁ APOSTA

NESTA ESTRADA EU SÓ CONDUZO

EM CONTRAMÃO

 

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

OS MEUS AMIGOS NÃO

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

OS MEUS AMIGOS NÃO

 

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

 

CADA UM NA SUA CONTRAMÃO

CADA UM NA SUA CONTRAMÃO

 

FALTA O NORTE

FALTA UMA RESPOSTA

SAIO E BATO COM O NARIZ NA PORTA

E ENTÃO?

PERCO A SORTE

NUMA MÁ APOSTA

NESTA ESTRADA EU SÓ CONDUZO

EM CONTRAMÃO

 

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

OS MEUS AMIGOS NÃO

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

OS MEUS AMIGOS NÃO

 

MAS OS MEUS AMIGOS NÃO

 

 

joao couto.jpg

23.10.20

MUSICPORTUGAL - PROGRAMA N.º 69 [21-10-2020]

PASSOU NESTA EMISSÃO: Luísa Sobral, Cristóvam, Paulo Gonzo, IDLES, AC/DC, Stevie Wonder, Churky, AJR


Tiago Ferreira

Aqui encontras a tracklist e áudio completo do 69.º programa da MUSICPORTUGAL na GONDOMAR FM, emitido no dia 21 de outubro de 2020. Estas foram as músicas que tocaram no programa:

 

- Luísa Sobral - Maria Do Mar
- Trevor Daniel, Selena Gomez - Past Life
- Tiago Bettencourt - Viagem
- Jónatas Pires - Eu Só Preciso
- Sam Smith - Diamonds
- Cristóvam - Setting Sun
- IDLES - War
- Glass Animals, Arlo Parks - Tangerine
- Nuno Ribeiro - Todos Juntos
- Alicia Keys - Time Machine
- Paulo Gonzo - Quem Foi
- Labrinth - No Ordinary
- Shawn Mendes - Wonder
- Pearl Jam - Get It Back
- Sainthiago - Não Desistas
- AC/DC - Shot In The Dark
- Claudisabel - Condenada
- Rui Bandeira - Do Lado da Razão
- Stevie Wonder feat. Gary Clark Jr. - Where Is Our Love Song
- Ava Max - OMG What's Happening
- Hugo Pina - Refém
- Marshmello & Demi Lovato - OK Not To Be OK
- Miguel Guerreiro - Nunca Paras
- Clean Bandit and Mabel feat. 24kGoldn - Tick Tock
- MEERA feat. GB - Bring It Up
- Papillon - 00 Fala Bonito (Prod. Lhast)
- Matt Simons - Better Tomorrow
- Churky - Vestígios
- Mike El Nite ft. Pedro Mafama & rkeat - Calafrio
- AJR - No Grass Today
- Keith Urban with P!nk - One Too Many

 

Áudio do 69.º programa:

 

 

 

+ INFO sobre este incrível programa em http://bit.ly/musicportugalgondomarfm.

 

MUSICPORTUGAL ON AIR, TODAS AS QUARTAS, EM GONDOMARFM.PT!

 

"PODCAST MUSICPTGFM" - é a TAG criada para este programa. Vais poder encontrar todas as edições do programa e as tracklists em http://musicportugal.pt/tag/podcast+musicptgfm.

 

musicportugalgondomarfm_full.png

18.10.20

ESTÁ DE VOLTA A CAMPANHA, "ESTE NATAL OFERECE MÚSICA"


Tiago Ferreira

No NATAL de 2020 voltamos a pedir-te para ofereces MÚSICA!

 

A campanha do ano passado foi um sucesso, por isso, este ano voltamos a apostar nesta iniciativa que aposta nos formatos físicos (CD, VINIL, K7).

 

A partir de 01 de novembro, várias vezes por semana, temos para ti várias sugestões de novos álbuns, edições especiais, reedições... tudo isto e muito mais em MUSICPORTUGAL.PT, nas redes sociais e no nosso programa da GONDOMAR FM.

 

Natal, sem música, não é a mesma coisa, por isso a MUSICPORTUGAL está cá para te sugerir a melhor banda sonora!

 

#estenataloferecemusica #MUSICPORTUGAL

 

Recorda todas as sugestões da campanha de 2019 em https://musicportugal.pt/tag/este+natal+oferece+m%C3%BAsica.

 

natalmusica.png

17.10.20

NESTE DIA... 19 A 25 DE OUTUBRO

[ESPECIAL ÁLBUNS]


Tiago Ferreira

Descobre aqui alguns álbuns que saíram entre os dias 19 e 25 de outubro.

Se souberes de mais algum álbum que tenha saído entre estes dias, deixa o teu comentário.

 

... 19 de outubro:

1964 I Simon & Garfunkel - Wednesday Morning 3 AM

1979 I Prince - Prince

1993 I Pearl Jam - Vs

1993 I Rush - Counterparts

 

... 20 de outubro:

1980 I U2 - Boy

1992 I Madonna - Erotica

 

... 21 de outubro:

1970 I Bob Dylan - New Morning

2003 I Joe Strummer & The Mescaleros - Streetcore

 

... 22 de outubro:

1969 I Led Zeppelin - II

1984 I Paul McCartney - Give My Regards to Broad Street

2012 I Taylor Swift - Red

 

... 23 de outubro:

1970 I Frank Zappa - Chunga's Revenge

1970 I Genesis - Trespass

2006 I My Chemical Romance - The Black Parade

 

... 24 de outubro:

1975 I Roxy Music - Siren

2007 I Backstreet Boys - Unbreakable

 

... 25 de outubro:

1969 I Pink Floyd - Ummagumma

1994 I Madonna - Bedtime Stories

 

19 a 25 outubro.png

17.10.20

MÚSICA NOVA DO DIA I JÚLIO RESENDE - VIRA MAIS CINCO (PARA O ZECA)

“Júlio Resende Fado Jazz Ensemble”, novo álbum sai no dia 30 de outubro.


Tiago Ferreira

Júlio Resende lançou “Vira Mais Cinco (Para o Zeca)”, o single de apresentação do novo álbum do pianista, que será editado no próximo dia 30 de outubro.

 

Sobre este tema, refere Júlio Resende: “É música portuguesa. É música para o Mundo. É uma espécie de Vira, para virar a música ao contrário, de pernas para o ar, como quem faz o pino. E o Zeca também procurou virar a mesa, virar para o lado melhor o mundo que vivia. Cantemos. Dancemos. Mas não fiquemos parados. Vira! Vira. O melhor da vida é o contrário do invariável”.

 

“Vira Mais Cinco (Para o Zeca)” faz parte do álbum “Júlio Resende Fado Jazz Ensemble”, que como diz o título se carateriza por uma surpreendente e original combinação entre os dois estilos musicais. Este trabalho contou com a participação de músicos como Alexandre Frazão na bateria, André Rosinha no contrabaixo e Bruno Chaveiro na guitarra portuguesa.

 

 

julio resende.jpg

 

17.10.20

PAPILLON - 00 FALA BONITO (PROD. LHAST) (com letra)


Tiago Ferreira

[Verso 1]
Mamã falou p'a não falar com estranhos
Mas como é para ti vou abrir excepção
Dama boa, adoro todos os teus ângulos
Estás a combinar com a minha intenção
Se 'tás alone relaxa que eu te acompanho
Vou te escoltar como numa procissão
Babysitter não é o meu trabalho
Mas baby cuidar de ti é a minha profissão
Então...

[Refrão]
Fala bonito
Se estás a sentir como eu estou-te a sentir
Fala bonito
Se ainda não sabias deixa que eu te ensino
Fala bonito
Não dou nas vistas mas sou todo ouvidos
A intuição fala e dela não duvides
Já não se fazem conexões assim
(Xeh, cuidado)

[Verso 2]
Ela disse eu já vi que tens jeito com palavras
Mas o vеnto leva tantas, que não sobra nada
Peoplе que só fala e depois abracadabra
Já não dá p’ra acreditar nesses contos de fadas
E amar é uma loucura e tu sabes
O jogo é perigoso e arriscado
Não sei o que é que tenho p’la minha frente
Mas sei quem quero do meu lado
Eu não quero Gucci nem Prada
Eu só quero sinceridade
Eu não compro palavras caras
Então

Fala bonito
Se estás a sentir como eu estou te a sentir
Fala bonito
Se ainda não sabias deixa que eu te ensino
Fala bonito
Não dou nas vistas mas sou todo ouvidos
A intuição fala e dela não duvides
Já não se fazem conexões assim

[Bridge]
Nós estamos no zero a zero
(Zero a zero)
Zero a zero
(Zero a zero)
Zero a zero
(Zero a zero)
Porque o nosso game começa assim
Nós estamos no zero a zero
(Zero a zero)
Zero a zero
(Zero a zero)
Tira a máscara p’ra ver quem...
Tira a máscara p’ra ver quem...
Tira a máscara p’ra ver quem és
(Porque o nosso game...)
Tira a máscara p’ra ver quem...

 

Conversa que prende
Nos liberta a mente
Quem fala se entende
Quem cala consente
Mas há people que mente
Com todos os dentes
Com o passar do tempo vês que muita gente só...

[Outro]
Fala bonito
Fala bonito
Fala bonito
Fala bonito

 

 

papillon.jpg

17.10.20

MÚSICA NOVA DO DIA I PAULO GONZO - QUEM FOI

Sai no dia 23 de outubro o seu novo álbum, "Essencial"


Tiago Ferreira

Paulo Gonzo é uma referência obrigatória da música portuguesa.

 

É já no dia 23 de outubro que edita “Essencial” o seu novo álbum.

 

Mas, hoje brinda-nos com “Quem Foi”, o seu terceiro single. Traçado a piano e a cordas, as palavras iniciais passaram recentemente por todos nós: “Quem foi que deu aos meus dias um nó tão apertado?”

 

Realizado por Miguel Costa – PointOfView, o videoclip tem como decor Lisboa, o Browns Central Hotel e como protagonista a atriz Maria João Bastos.

 

São mais de 40 anos de uma cruzada que não prescinde de princípios e de meios, sem que se possa, ou queira, antever os fins. 

 

Paulo Gonzo um regresso muito esperado e que não pode perder!

 

 

paulo gonzo quem foi.jpg

 

17.10.20

D.A.M.A EDITAM NOVO ÁLBUM "SOZINHOS À CHUVA" A 30 DE OUTUBRO 2020. INCLUI PARTICIPAÇÕES DE BÁRBARA BANDEIRA, CAROLINA DESLANDES, IVO LUCAS, NELSON FREITAS, ENTRE OUTROS.


Tiago Ferreira

D.A.M.A editam novo álbum intitulado “SOZINHOS À CHUVA” no próximo dia 30 de outubro.

 

O quarto registo de originais do grupo conta com participações de Bárbara Bandeira, Carolina Deslandes, Ivo Lucas, LUTZ, MIKE 11, Nelson Freitas e T-REX.

 

“SOZINHOS À CHUVA” apresenta 12 novos temas e foi produzido por BloBlip Studios e Meoli, misturado por Rodrigo Crespo e Michael ‘Mic’ Ferreira, e masterizado por Michael ‘Mic’ Ferreira.

 

Nas palavras dos D.A.M.A, «Ao longo da nossa carreira, tivemos o privilégio de poder partilhar momentos absolutamente inesquecíveis, entre nós e com milhões de pessoas. Momentos que nos emocionaram, que nos deram as lágrimas mais felizes e os sorrisos mais vincados.

No entanto, quando terminámos a tour de 2018 e a promoção do nosso terceiro álbum - depois de singles como ‘Era Eu’, ‘Pensa Bem’, ‘Oquelávai’ ou ‘Nasty’ -, sentimos pela primeira vez a necessidade de nos afastarmos uns dos outros e de digerir o que tinham sido os últimos 7 anos das nossas vidas: 3 discos editados, quase 600 concertos, dezenas de colaborações e muita exposição, que sabemos ser inerente à nossa profissão. Precisámos afastar-nos para podermos viver as nossas histórias individuais, para depois voltar a sentir prazer pelo que fazemos, algo o peso da rotina tende a desvanecer.

Estivemos um ano e meio afastados mas sempre a fazer canções. E numa viagem ao Brasil, em Fevereiro de 2019, encontrámo-nos novamente e voltámos a sentir o que nos fez formar uma banda quando éramos adolescentes e o que nos fez querer criar canções maiores do que nós. O nosso propósito.

Decidimos então que o nosso quarto trabalho de originais não poderia ser apenas um conjunto de canções. Sentimos a necessidade de nos autoimpor mais um desafio e de criar uma obra musical para ser ouvida ininterruptamente, da primeira à última faixa; uma viagem sonora e emocional que nos enche a alma e dá sentido ao que fazemos.

Planeámos regressar em força em 2020, lançar uma canção por mês, com início em Janeiro, e em Abril desvendar toda a viagem, o álbum completo. Lançámos ‘Tento’, ‘Um Bocado’, ‘Ela’ e ‘Oh No’.

Porém, 2020 revelou-se cheio de ‘surpresas’ e veio-nos mostrar-nos que não controlamos tudo o que nos rodeia, e que aquilo que temos como garantido nos pode ser retirado de um dia para o outro.

Demos um passo atrás e questionámo-nos, como muitos certamente fizeram. E percebemos que tínhamos que voltar a centrar-nos e reajustar os planos. Optámos por adiar o lançamento do álbum e decidimos dedicar o nosso tempo às pessoas que amamos.

Quando voltámos a focar-nos no trabalho, optámos por retirar do alinhamento do longa-duração as canções que já havíamos lançado até Abril e não divulgar mais temas até à data de edição do álbum.

O nosso novo trabalho sairá a 30 de Outubro e vai chamar-se “Sozinhos à Chuva”.

Foi uma maratona mas conseguimos. 

A escolha do nome do álbum (que é também o nome de uma das faixas do mesmo) resume esse percurso do sentimento de não pertença, da facilidade com que nos isolamos e de sentirmos que não precisamos do outro, até à tomada de consciência de que esse não é o caminho que nos está destinado e, na realidade, quando partilhamos e nos unimos (mesmo estando afastados) é que a ‘magia’ acontece. E associámos assim “sozinhos” (plural) à ideia da “chuva”, que simboliza tudo aquilo que ‘cai’ sobre nós, sejam vitórias, desilusões, momentos que nos encheram a alma de felicidade e também episódios mais duros que nos obrigaram a crescer. Num momento, podemos estar na melhor fase da nossa vida e, no outro, estamos a lutar pela sobrevivência da nossa família. No fundo, estamos todos à chuva. 

A necessidade de partilha foi também um dos grandes impulsionadores deste projeto e, por isso, este é também o nosso álbum mais colaborativo. Em “Sozinhos à Chuva” contámos com a colaboração de Mike11, T-Rex, Suave, Ivo Lucas, Bárbara Bandeira, Carolina Deslandes, Nelson Freitas, Lutz e Meoli.

Incluindo a parte artística, em nenhum dos nossos anteriores projetos tivemos tantos intervenientes e colaborações nas diversas áreas que compõem o mesmo. Desde a nossa banda (que se entregou de alma e coração), à edição, mistura, masterização, vídeo, conteúdos digitais, e não só.

Não podíamos estar mais orgulhosos deste trabalho e não temos qualquer dúvida que é o nosso melhor projeto até à data, pois sentimos que nos reinventámos e que fomos genuínos. Talvez o maior desafio de quem trabalha no meio artístico.

Em suma, “Sozinhos à Chuva” resume o nosso passado, assume o nosso presente e espreita pela fechadura do nosso futuro.»

 

Este é o alinhamento oficial de "SOZINHOS À CHUVA":

 

 - Intro

 - Sozinhos à Chuva feat. Mike 11 & T-Rex

 - Então e Tu

 - Medo (skit)

 - À Solta feat. Ivo Lucas & Bárbara Bandeira

 - Desejo (skit)

 - Coisas Normais feat. Carolina Deslandes

 - Coragem (skit)

 - O Que Foi

 - Aceitação

 - Mar de Rosas

 - Razão (skit)

 - Faz de Conta feat. Nelson Freitas

 - Meoli

 - Deve Ter Sido Engano feat. Lutz

 - Amor (skit)

 - Jura / Gota d’Água feat. Bárbara Bandeira

 - Paz (skit)

 - Para Ti

 

dama sozinhos a chuva.png

Pág. 1/2