Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MUSICPORTUGAL

Aqui, APOIAMOS O TALENTO NACIONAL!

MUSICPORTUGAL

28 de Outubro, 2020

MÚSICA NOVA DO DIA I FREDERICO BC - OLHA BEM PRA MIM

Olha Bem Pra Mim” é o novo single de Frederico BC

Será que é tudo ilusão? Será que é tudo uma grande confusão? Será que aquilo que os nossos olhos vêm é o que realmente acontece? A temática está em voga, o dia-a-dia das redes sociais é retratado satiricamente nesta música por Frederico BC. “Se há uns anos nos dissessem que o nosso estado de espírito seria capaz de se deixar influenciar por um telefone nós riamos-nos do mundo. Hoje é o mundo que se ri de nós e eu quero muito dar gargalhadas neste mundo”.

Com letra e música de Frederico BC este “Olha Bem Pra Mim” traz um dado novo à carreira do artista, visto que foi o próprio que gravou, tocou e produziu na totalidade esta música e o seu videoclipe. “Desta vez decidi fazer tudo sozinho, gravei e toquei todos os instrumentos, misturei, masterizei, filmei, fotografei, recortei e criei todos os adereços. Do primeiro som à última imagem foi tudo feito por mim. Adoro desafios e precisava deste desafio na minha vida. Precisava de provar a mim mesmo que era capaz. Não sei se fui, ou se não fui, mas sei que foi uma experiência muito divertida e que quero voltar a repetir.”

Esta é uma das muitas músicas que Frederico BC tem preparadas para o seu próximo álbum e será certamente uma das músicas que artista irá levar ao palco do Auditório do Casino Estoril no dia 28 Novembro (bilhetes disponíveis aqui).

 

 

FREDERICO BC.jpg

 

28 de Outubro, 2020

WINDOH - FREAKY (letra)

[Intro]
Eu 'tou na rua, com a crew up 'tou flexible
E se tu queres colar, 'tão pull up ou let me go
E se eu não acordar sóbrio foi p'ra não ver esse ódio
Essas quedas deixam-me sábio enquanto a conta sobe

[Refrão]
Eu vou falar do meu cachê, whatchu' talkin' 'bout?
Eu tenho a coroa na minha head, whatchu' talkin' 'bout?
Que eu tenho a family na back, whatchu' talkin' 'bout?
Eu só 'tou cruisin' num BM, whatchu' talkin' 'bout?

[Verso 1]
Freaky, eu sinto-me freaky
Saí do meu quarto só p'ra me tornar o maior da minha city
Não quero obstáculos, eu só quero tornar o meu caminho nítido
Quem tem olho é rei e eu tornei-me o rei nessa terra da míopia
Eu 'tou à frente da moda, sem pé no travão
Rico tipo um chefe da droga, tira o meu name da tua boca
Pego no meu beamer like *skrt*
Uh, não sei a minha rota
(Não sei a minha rota, não sei a minha rota)
So whatchu' talkin' about?
'Tou atrás da banca, não
'Tou atrás do new cash que é p'ro old cash ir p'ra bank account
Então deixa-me ser eu próprio, eu já nasci p'ra ser tópico
'Tás preocupado em ser cópia
Ballin', eu 'tou a parecer o Kobe (Bry)

 

[Refrão]

Eu vou falar do meu cachê, whatchu' talkin' 'bout?
Eu tenho a coroa na minha head, whatchu' talkin' 'bout?
Que eu tenho a family na back, whatchu' talkin' 'bout?
Eu só 'tou cruisin' num BM, whatchu' talkin' 'bout?

[Verso 2]
Eu só vim cá p'ra te inspirar, yah
But I don't wanna save nobody, yah
Desconhecidos na minha party, yah
Querem ocupar o meu lugar

Eu só vim cá p'ra te inspirar, yah
But I don't wanna save nobody, yah
Desconhecidos na minha party, yah
Querem ocupar o meu lugar

[Bridge]
Eu 'tou na rua, com a crew up 'tou flexible
E se tu queres colar, 'tão pull up ou let me go
E se eu não acordar sóbrio foi p'ra não ver esse ódio
Essas quedas deixam-me sábio enquanto a conta sobe

[Outro]
Eu vou falar do meu cachê
Eu tenho a coroa na minha head
Eu só 'tou cruisin' num BM
Enquanto a conta sobe

 

Eu tenho a coroa na minha head
Eu só 'tou cruisin' num BM)

 

 

windoh freaky.jpg

28 de Outubro, 2020

MÚSICA NOVA DO DIA I MALÚ GARCIA - PARADIGMAS

"Paradigmas" é o primeiro single da violinista Malú Garcia numa combinação entre world music, jazz e baião, de sua autoria em parceria com Pedro Baião.


Este single junta instrumentos como o Violino, Guitarra Portuguesa, Piano, Percussão e Contrabaixo.
Uma música alegre e de esperança que foi inspirada pelos paradigmas atuais da sociedade. 

 

 

MALU GARCIA PARADIGMAS.jpg

 

28 de Outubro, 2020

ÁLBUM DA SEMANA #24: IRMA - PRIMAVERA

O lançamento de PRIMAVERA, o álbum de estreia de IRMA, coincide não por acaso com o aniversário da artista, marcando de forma simbólica o nascimento de uma promissora cantora, letrista e compositora da nova geração.

 

IRMA é uma artista completa que, apesar de se ter primeiro afirmado junto do grande público enquanto actriz, tem no canto e na composição a mais antiga expressão do seu talento, que revelou ainda criança e que agora abraça em paralelo à representação. 

 

Autora das músicas e letras dos 9 temas que compõem PRIMAVERAIRMA partilha os arranjos e produção com Pity.  

 

IRMA nasceu em Lisboa mas a sua identidade reflete forte influência da cultura angolana, ou não fosse Angola o país de origem dos avós com quem cresceu. Aos 12 anos herdou uma guitarra da mãe, que não mais parou de explorar ao mesmo tempo que se aventurava na escrita de canções, primeiro dentro do seu quarto e a pouco e pouco com a porta aberta para o mundo. Licenciada em Artes Performativas, porque sempre acreditou que música, teatro e dança se complementam. Soma vários papéis enquanto atriz de ficção transmitida nos vários canais nacionais e já fez parte do elenco de vários musicais: "Entre o céu e a terra", " A bela e o mostro", "Terra dos sonhos", "Eusébio, um hino do futebol" e “ZOO”.

 

Nas palavras de IRMA, «Esta PRIMAVERA vem renovar. Renovar votos com o compromisso que tenho com os meus sonhos. Esta PRIMAVERA vem falar do coração, vem lembrar que a qualquer hora, em qualquer lugar, somos da mesma pele. Pede para não te ires embora e que esperes pela Alfazema que vai florescer. Espera que acredites que as crianças podem salvar o mundo. Beija-te e depois pede para te ires embora sem medo da saudade. A saudade tem isto, não precisas de te lembrar porque nunca te vais esquecer.»

 

E o que é que IRMA tem a dizer sobre cada tema do álbum PRIMAVERA?

 

CORAÇÃO - O Coração abre caminho para o renascer. É o início da Primavera, o início do nascer. Escrevi-o em novembro de 2018 e nem sabia que ia fazer um disco. Mas depois vem a Primavera...

 

A QUALQUER HORA - Há 10 anos fiz o A qualquer hora. Só para recordar que não há condição para amar. Não há tempo, não existe lugar, nem forma de se amar melhor ou pior. Existe amar e tudo o que não parece amor não é amor. Não se confundam.

 

 

DA MESMA PELE - Eu costumo dizer que em qualquer relação tem que existir volta e meia actualização. Como nas aplicações. Temos de nos actualizar com o outro. Saber que estamos na mesma página, mesmo que o tempo já nos tenha colocado num lugar diferente. Mas mesmo em lugares diferentes podes sempre escolher não largar a mão, estar sempre para sempre. 

 

 

ALFAZEMA - Fiz o Alfazema num dia de pós-parto por isso não posso dizer com toda a certeza que o dia era triste. Existe 99% de chances de ter sido só hormonal. O alfazema fala de quem sou sem me julgar. É um exercício de não me pôr em causa.

 

BEIJA-ME A BOCA - Não se vai embora sem se estar bem. Não se dorme sem um beijo de boa noite. Aquela sensação de medo da perda. Eu tenho muito medo da perda, se calhar é por isso. Evito ir-me embora sem me despedir. 

 

MONAMI - O Monami foi uma carta escritas a todas as crianças para crescerem com a noção de que podem salvar o mundo. A sensação que eu tenho é que As crianças são a semente de todas as flores que podem nascer. Cada um de nós tem que assumir responsabilidade pela própria vida, pela sociedade e pelo mundo.

 

 

NÃO VÁS - O Não Vás conta a história do amor com amor se paga. Não é clichê nenhum. Tudo aquilo que damos realmente recebemos a dobrar e muitas vezes não é de uma forma evidente. O retorno pode vir em múltiplas formas e devemos estar mesmo conscientes disso. Devemos saber cuidar para ser cuidados. Dar atenção, estar atentos ao outro. 

 

SAUDADE - O Saudade é das minhas músicas preferidas do álbum. Às vezes é muito duro saber lidar com ela mas não temos o mínimo controlo da saudade, do sentir falta. Há várias formas de a sentir. Ela existe no micro e no macro. Na saudade que está perpetuada ou na saudade momentânea. E acho que tem que ser sentida porque enquanto ela existe é porque ainda não te esqueceste.

 

SAI SÓ - O Sai Só é uma música que gritar para saíres do caminho se não há mais nada para contar. Se não temos mais nada que crie valor. Fiz o Sai Só na sequência de uma relação tóxica, daquelas de onde ninguém consegue sair mas que, efectivamente, já não tem nada para dar.

 

Este é o ÁLBUM DA SEMANA para a tua MUSICPORTUGAL! Aqui, APOIAMOS O TALENTO NACIONAL!

 

 

irma primavera.png

28 de Outubro, 2020

MÚSICA NOVA DO DIA I MATAY - CONFIA

“Confia” é o nome do novo single a solo de Matay.

 

Disponível a partir de hoje, o tema com letra e música de Agir, aborda a complexidade do Amor que, oscilando entre momentos emocionalmente mais favoráveis e outros mais exigentes, pode levar à desesperança. “Confia” é um hino à vida e prova uma vez mais que é impossível ficar indiferente à voz de Matay que, com uma técnica irrepreensível e uma interpretação de excelência, junta o calor das suas raízes africanas a outras influências como a Soul e o Gospel.

 

 

matay confia.jpg

 

28 de Outubro, 2020

BANDA SONORA I "BEM ME QUER" TVI

Aqui está a banda sonora da nova novela da TVI, "Bem Me Quer":

 

 - Joana Almeirante - Bem Me Quer

 

 

 

 

 

 

 

 - João Pedro Pais - Fazes-me Falta

 

 

 

 

 

 

 

 - Virgul - Dividir Amor

 

 

 

 

 

 

 

 - D.A.M.A - Tento

 

 

 

 

 

 

 

 - João Só e Tiago Nogueira - Maldita a Hora

 

 

 

 

 

 

 

 - Blaya - +Mais

 

 

 

 

 

 

 

 - Fernando Daniel - Cair

 

 

 

 

 

 

 

 - Jorge Fernando - É ou não É

 

 

 

 

 

 

 

Tudo sobre a novela "Bem Me Quer" em https://tvi.iol.pt/bemmequer.

 

bem me quer tvi.png