Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MUSICPORTUGAL

Aqui, APOIAMOS O TALENTO NACIONAL!

MUSICPORTUGAL

06 de Março, 2022

BANDA SONORA I "POR TI" SIC Ouve aqui as músicas da nova novela da SIC.

Aqui está a banda sonora da novela da SIC, "POR TI":

 

 - Sara Carreira - Leva-Me a Viajar (Associação Sara Carreira Version)

 - Os Quatro e Meia, Carlão - Bom Rapaz

 - Mariza - Rio de Mágoa

 - Nena - Do Meu ao Teu Correio

 - Ruth Marlene - Coisinha Sexy

 - Joana Espadinha - Mau Feitio

 - Tatanka - A Minha Aldeia

 - Diogo Piçarra - Por Quem Não Esqueci

 - Anselmo Ralph, Diogo Piçarra - Como Se Te Fosse Perder

 - José Malhoa - Vai Ter que Rezar

 - Joana - O Cacetete (Mulher Polícia)

 - Miguel Araújo - Chama por Mim

 - Dina - Amor d'Água Fresca

 - Anaquim - Bomba

 - Ala dos Namorados - Bricabraque e Pechisbeque

 - Quim Barreiros - Na Banda da minha Aldeia

 - André Sardet, Bianca Barros - Pudesse eu Mudar

 

 

Tudo sobre a novela da SIC, "POR TI", em https://sic.pt/programas/porti/.

 

por ti sic.png

06 de Março, 2022

#apoiamosotalentonacional I CAPTAIN BOY - SÓ SE ESTRAGA UMA CASA

O músico e compositor Captain Boy está de regresso com o novo single “Só Se Estraga uma Casa”, a primeira amostra do próximo álbum com edição prevista para Abril.

 

O novo single marca um novo registo na carreira artística do Puto Capitão. Por um lado, é o tema de apresentação de um disco escrito pela primeira vez em português. Por outro, é uma canção que fala de transformação e que desafiou o artista a personificar essa mudança fisicamente. 

 

No videoclip de “Só Se Estraga uma Casa” podemos assistir a Captain Boy a romper com o seu passado e a começar uma nova viagem que nos levará a conhecer “Domingos Lentos”, o terceiro álbum do artista. Um disco introspetivo, sobre autodestruição, perda e descoberta.

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

captain boy.jpg

06 de Março, 2022

#apoiamosotalentonacional I FILIPA BISCAIA - ROSA SECRETA

"Rosa Secreta" é o single de estreia da fadista Filipa Biscaia. Desde cedo, Filipa Biscaia demonstra interesse pela música, mas é quando entra para a faculdade que incorpora a Tuna Feminina da Universidade de Coimbra. 

 

Aqui teve oportunidade de cantar como solista, interpretando temas tradicionais portugueses, maioritariamente fado de Coimbra. Ao longo deste percurso académico, foram vários os palcos por onde passou, como o teatro circo em Braga, teatro Sá da Bandeira no Porto, teatro Garcia de Resende, o que lhe permitiu crescer como artista. 

 

Foi também no meio académico que Filipa ganhou visibilidade a este nível, e é a convite de um centro cultural em Coimbra, Fado ao Centro, que começa a cantar fado profissionalmente em 2015. Em 2019 muda-se para Lisboa e começa a cantar em várias casas de fado, e hoje é artista residente na Tasca do Chico e no Solidó.

 

As suas grandes referências são nomes como José Afonso, Adriano Correia de Oliveira, Amália Rodrigues, Fernanda Maria e Maria José da Guia.

 

Em breve apresenta-nos o seu álbum de estreia, entitulado "Dois a Dois". Para já, "Rosa Secreta" abre-nos esse caminho.

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

filipa biscaia.jpg

06 de Março, 2022

"UCRÂNIA LIVRE". UHF LANÇAM TEMA EM HOMENAGEM À UCRÂNIA

Os fundos obtidos com a canção revertem para as ações de apoio à Ucrânia.

Os UHF lançam “Ucrânia Livre” um tema em homenagem à Ucrânia, demonstrando a solidariedade dos portugueses e artistas nacionais para com o povo ucraniano, que neste momento atravessa aquele que é um dos momentos mais obscuros e incertos dos últimos 80 anos na Europa. “Ucrânia Livre” é uma readaptação do tema “Sarajevo (Verão de 92)”, uma canção de intervenção social, que retrata a barbaridade da guerra que renasceu na Europa em 1992. 

 

Transmitido em direto pela televisão, o conflito revelava a luta pela independência das repúblicas que formavam a Federação da Jugoslávia. Este trabalho foi expressamente produzido para o contingente militar português que integrou a operação "Missão de Paz" na Bósnia. Os UHF trazem-nos uma forte mensagem de apoio, deixando claro que a Paz prevalecerá sobre o caos. Os fundos obtidos com a canção revertem para as ações de apoio à Ucrânia.

 

Nas palavras de António Manuel Ribeiro (UHF), "Há 30 anos, reagi à estupidez de uma guerra fratricida, que destruiu os corações e revolveu as cidades dos Balcãs: eram vizinhos contra vizinhos num genocídio étnico-religioso que nos trazia o Holocausto de volta: Sarajevo (verão de 92) foi a canção que escrevi. A ideia tomou a minha consciência quando Portugal, e outros países europeus, receberam os órfãos que uma ponte aérea ia retirando da Jugoslávia. Trinta anos passados, a besta regressou à Europa com o seu cortejo de artefactos bélicos, discursos enviesados e semântica burlesca para consumo da idiotia. Para justificar o inaudito, há quem reconfigure ideologias e razões geoestratégicas. Patético, exceto para os refugiados, mulheres e crianças a chorar (outra vez) na TV, porque os homens ficam para defender a sua pátria, a casa de um povo. Ucrânia Livre é o meu contributo para minimizar o esforço de todos (os direitos de autor da canção serão entregues para auxílio aos refugiados), para que o Mundo Livre não esqueça que a pata cardada não pode esmagar o desígnio de um povo. Que a canção desperte o melhor que o ser humano tem: solidariedade, amor fraterno, equilíbrio, paz."

 

 

uhf ucrana.jpg

06 de Março, 2022

MÚSICA NOVA DO DIA I RITA LARANJEIRA - JUMP

Rita Laranjeira estreia-se com "Jump", o seu primeiro single com o selo da Universal Music PortugalRita Laranjeira assina a autoria desta canção, que escreveu em parceria com Andrea Kirstiansen, Bruno Mota e Mateus Seabra. Produzida por Bruno Mota, "Jump" vai marcar a pop nacional.

 

O vídeo oficial foi dirigido por Cláudia Batalhão, realizadora que já assinou alguns dos vídeos mais brilhantes em Portugal, tendo trabalhado como nomes como Diogo Piçarra, T-Rex, Dino d’Santiago e Sara Correia, entre outros.

 

A cantora diz sobre este seu primeiro single: “O Jump foi inspirado nas diversas relações amorosas que eu observo no dia-a-dia, nas quais um dos lados não quer ter algo sério ou está confuso acerca da relação. Foi muito interessante compô-la para chegar a este resultado final.

 

Curiosamente, o single foi editado no dia em que Rita Laranjeira completou 17 anos de idade (04 de março). Mas, a sua idade não é sinónimo de ingenuidade. Aliás, demonstra uma maturidade e talento surpreendentes. Quem a viu atuar nas galas do The Voice Portugal, ou antes, a representar Portugal na Eurovisão Júnior, sabe que a cantora é o nome a fixar no panorama pop nacional.


Agora, Rita Laranjeira revela-se finalmente com as suas canções e mostra com o single "Jump" porque é uma das vozes mais revigorantes da pop nacional atual. Fixem este nome: Rita Laranjeira veio para ficar.

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

rita laranjeira.jpg

06 de Março, 2022

#apoiamosotalentonacional I DENGAZ, MURTA - NÃO TÁ FÁCIL (com letra)

Depois de “Palavra”Murta volta aos lançamentos, com a participação no novo single de Dengaz“Não Tá Fácil”, conta com música e letra dos dois artistas, numa colaboração surpreendente.

 

Mix e master têm o selo de Twins. A realização do vídeo oficial ficou a cargo de Pedro Dias & Pluma.

 

 

LETRA: "NÃO TÁ FÁCIL"

 

Ela quer um castelo eu só quero um quarto

Eu quero dar um mergulho ela quer um barco

Ela quer casar, pra mim tou casado

Só quando é de treino é que eu uso um fato             

      

Ela dá-me a dica que a vida é curta

Mas há uma coisa que ainda a preocupa

É que fala de amor e eu fico mudo

Porque eu só digo quando ela pergunta

 

Quer tar na boa, eu tou sempre a mil

Eu tenho a mania, ela corta-me o piu

Quer ver Netflix eu só quero o Chill

Eu quero sempre Chill mas sem mais um filho

 

Diz que tá comigo pra ter 3 filhos

Ter uma vida leve e não ter estrilhos

Na 2a parte acho que tamos a falhar

Porque a 1a nós já conseguimos!

 

Ela ta linda e eu não digo nada

Com medo de que?! tou a ser otário…

Mas não é fácil

Tão faço isto,

Num beat e assim ela sabe

 

Ela já me viu onde não devia

Vi que era pra sempre, ela não fugiu

Bonnie & Clyde shit

Sem o crime shit

Some real shit

Mas às vezes não é fácil

 

REFRÃO

Não te quero incomodar

A cabeça tá noutro lugar

Eu tentei ficar até tarde

Só pra te ver acordar

Eu quero te ver

Não tá, não tá, não tá fácil

 

Mas também sei que não sou fácil 

 

Ela quer, ficar perto

Mas eu quero, sentir falta

Ela diz, então baza

Irritada, depois passa

 

Quer conversa, eu não

Eu deixo andar, ela nada

Eu bem lhe digo que ela é complicada

É que eu tou com pé e ela quer que eu nade

 

Eu só vou dormir quando ela acorda

E quando ela fala eu não tou                                                  

Sabe que a minha cabeça não para

E repara na importância que eu lhe dou

 

Eu sei que a nossa história é de verdade       

Mas há dias que já não conta nada,

No memo sofá ela vai pra Vénus e eu vou pra Marte

 

Isto pode não ser o que queres ouvir mas é sincero

E dizer-te isto não faz de mim poeta,

E até sei o futuro e sem ser profeta

Mas sei que sem ti isto era uma merda…

Mas não é fácil…

 

REFRÃO

Não te quero incomodar

A cabeça tá noutro lugar

Eu tentei ficar até tarde

Só pra te ver acordar

Eu quero te ver

Não tá, não tá, não tá fácil

Mas também sei que não sou fácil

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

dengaz murta.jpg

06 de Março, 2022

MARCO RODRIGUES LANÇOU NOVO ÁLBUM, "JUDITE"

Foi lançado na passada sexta-feira, 04 de março, em CD e em digital, o sexto álbum de Marco Rodrigues que é uma homenagem à sua mãe, Judite, precocemente desaparecida em 2020. Composto por onze temas, o álbum reúne Fado tradicional e temas pop.

 

A seleção dos temas seguiu a memória das preferências de Judite, tal como Marco Rodrigues recorda nos agradecimentos do disco: “Este disco é, seguramente, o mais sentido e profundo de toda a minha vida. A minha mãe, Judite, está presente da primeira à última nota, anima e inspira todo o álbum. Os Fados tradicionais que aqui se encontra são os seus favoritos, escolhidos dentre memórias de conversas sobre o Fado que tanto amava. Aqui estão, na minha voz como era sua vontade, para a homenagear. Um álbum não se faz sem cúmplices musicais e tenho que agradecer ao Tiago Machado, que partilhou momentos com a minha mãe e faz parte da família, para além de toda a relação profissional que nos une e que já resultou em quatro álbuns por ele produzidos. Aos músicos, que partilham comigo o estúdio e a estrada, a todos os que participaram neste disco agradeço a entrega e a partilha do talento. Aos técnicos sem os quais nada era possível. À Universal Music e sua (e minha) equipa, um agradecimento especial pelo caminho que trilhamos juntos. Ao universo, pelo privilégio de ter tido uma mãe como a minha.

 

Os onze temas que compõem a belíssima homenagem que é “Judite” contam com autores como Diogo Piçarra, David Fonseca, Tiago Nogueira e Ricardo Liz Almeida (d’Os Quatro e Meia), Marisa Liz, Tiago Pais Dias, Boss AC, Manuela de Freitas, Jorge Mangorrinha, Guilherme Pereira da Rosa e Tiago Machado, que assina igualmente a produção de “Judite”.  

 

 

marco rodrigues.png