Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MUSICPORTUGAL

Aqui, APOIAMOS O TALENTO NACIONAL!

MUSICPORTUGAL

21 de Junho, 2022

CATARINA FILIPE - SLOW MO (com letra)

Slow riding na minha brisa

Eu tou solteira, não sozinha

A marquinha tá em dia

No meu copo caipirinha

 

Slow riding na minha brisa

Eu tou solteira, não sozinha

A marquinha tá em dia

No meu copo

 

Eu tou slow mo

Slow mo

Slow mo

Agora eu não perco mais nada

Slow mo

Slow mo

Eu quero viver em slow mo

Agora eu não perco mais nada

 

Só me fizeste perder tempo

Agora eu não perco mais nada

Cheguei ao after, bem acompanhada

In love com esta life de ser ex-namorada

Perguntas se tás eu tou

Tou solteira e bem amada

Querias mas tou ocupada

Eu já liguei o modo voo

Perdeste a última chamada

Agora a entrada tá barrada

Eu tou desligada

Não quero aqui nenhum stress

Tou c'a vida toda paga

Tenho mais do que me ofereces

Vê-me orientada

Não usei o teu GPS babe

Só faço o que eu sinto

Eu não sigo o que parece bem

Eu achei conceito

Ser chamada de ex

Ver-te a vaguear pelo rasto que eu deixo

A sentir saudades da chama que eu tenho

Normal que me odeies

 

Slow riding na minha brisa

Eu tou solteira, não sozinha

A marquinha tá em dia

No meu copo caipirinha

 

Slow riding na minha brisa

Eu tou solteira, não sozinha

A marquinha tá em dia

No meu copo

 

Eu tou slow mo

Slow mo

Slow mo

Agora eu não perco mais nada

Slow mo

Slow mo

Eu quero viver em slow mo

Agora eu não perco mais nada

 

Supera

Que eu já te superei

Já não fico à tua espera

Acordada depois das 6

E se agora fico

É para ficar com 1 ou 6

Tu chama-me de afrodite

Que eu sou deusa num harém

Mando um beijo pra viagem

Fica longe e fica bem

Posso dar para toda a gente

E eu não deixo para ninguém

Tu só em 15

Vais logo do 0 aos 100

Só se grava um tik tok

Nem lhe chamo sex tape

Curte que puta da vida não pára

E hoje eu tou cá e vim para celebrá-la

Eu tou na minha lane vou entrar nesse game

Pra piropos eu só estico o dedo do meio

Tou no topo com a cachaça

Fire people tá em brasa

Chama todos cá pra casa

Que hoje a festa é privada

 

Slow riding na minha brisa

Eu tou solteira, não sozinha

A marquinha tá em dia

No meu copo caipirinha

 

Slow riding na minha brisa

Eu tou solteira, não sozinha

A marquinha tá em dia

No meu copo caipirinha

 

Eu tou slow mo

Slow mo

Slow mo

Agora eu não perco mais nada

Slow mo

Slow mo

Eu quero viver em slow mo

Agora eu não perco mais nada

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

catarina filipe.jpg

21 de Junho, 2022

#apoiamosotalentonacional I PICAS - ORQUÍDEAS

Foi no seu quarto, com quinze anos, que PICAS esboçou as suas primeiras canções e aprendeu os primeiros acordes e desde aí nunca mais parou. Em 2020, participou no The Voice Portugal onde se deu a conhecer como intérprete.

 

Agora, apresenta-se como compositora e letrista na sua língua materna e apresenta o seu primeiro single, “Orquídeas”, que já se encontra disponível em todas as plataformas digitais.

 

«A Orquídeas é uma canção sobre tudo aquilo que guardamos de alguém que partiu, todas as memórias, todos os objetos e toda a nostalgia. Esta canção é dedicada à minha avó Maria José que adorava as suas flores, mas tinha como predilectas as orquídeas. A primeira versão era mais triste e melancólica, mas na produção chegámos a esta versão mais alegre que para mim simboliza a celebração da vida. É uma das canções mais pessoais que escrevi e estou muito feliz por a lançar como primeiro single do projeto que tenho vindo a construir e está à espera de vir cá para fora» conta PICAS.

 

É com uma guitarra que PICAS melhor se expressa, com melodias doces e poemas-canção que partilha hoje com o mundo através de “Orquídeas”.

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

picas orquideas.jpg

21 de Junho, 2022

ÁLBUM DA SEMANA #31: Churky - Mariposa

Mariposa” constitui o titulo do mais recente trabalho de Churky, que assume as gravações de quase todos os instrumentos, à exceção dos sopros. Define-se como um disco indie pop de canções e letras simples, que mistura uma levada de rock suave e alguns momentos mais jazzy.

 

O álbum apresenta 10 canções autorais (todas elas escritas, arranjadas e gravadas por Churky) e uma não autoral em que o músico de Alcobaça recria “Estrela do Mar” de Jorge Palma. O trabalho foi gravado no Estúdio Bolota, em Alcobaça, entre janeiro e março de 2022, e que Churky assume toda a produção. Sobre o nome do álbum, Churky adianta que “a palavra mariposa para além de significar borboleta, está, também, associada a um estilo de natação, motivo pelo qual o usei tendo como objetivo fazer uma analogia aos esforços a que a vida nos obriga.”

 

Este é o ÁLBUM DA SEMANA na tua MUSICPORTUGAL! Aqui, APOIAMOS O TALENTO NACIONAL!

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTE ÁLBUM JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

churky.png

21 de Junho, 2022

MÚSICA NOVA DO DIA I Salvador Seixas - Só Penso em Ti

Salvador Seixas, que ficou conhecido dos portugueses depois de ter chegado à meia final do programa The Voice, em 2012, começou a cantar com 16 anos e aprendeu a tocar guitarra sozinho com tutoriais do Youtube. Em 2014 lançou, juntamente com os D.A.M.A o hit nacional "Balada do Desajeitado" e, em 2016, a canção "Tudo para Dar" com a Mia Rose.Depois de alguns anos dedicado aos estudos e ao trabalho noutras áreas, Salvador Seixas volta em força com o primeiro single do seu próximo projeto a solo que deverá estar terminado antes do final do ano. O lançamento deste single confirma a entrada, com os dois pés, de Salvador no universo musical português e promete aparecer em alguns concertos já este verão.Estava há muitos anos para lançar bem as minhas canções. Estou muito feliz com o resultado e acredito que esta história verídica possa tocar muitas pessoas. Agora é esperar que possam ouvir e que a canção lhes toque, como me toca a mim”.Salvador lança "Só Penso em Ti" e volta a estar em grande destaque com uma canção única e poderosa que nos remete para a história de amor dos seus avós. Com um vídeo realizado por Renato Arroio e com a participação especial de Angie Costa e Miguel Coimbra (D.A.M.A) enquanto protagonistas. Uma canção que promete dar que falar e que fará de Salvador Seixas um dos nomes portugueses a ter em conta no futuro. A canção, composição original do próprio, remete-nos para um amor de guerra, mas que fica para a vida toda. Uma história verídica com uma extraordinária banda sonora que nos faz ficar agarrados aos seus acordes.

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

salvador seixas.jpg

20 de Junho, 2022

MÚSICAS NOVAS DA MEGA HITS: 20 JUNHO 2022

 - Jovem Dionísio - Acorda Pedrinho

 - Kappa Jotta ft. MUN - Rosas

 - Duke & Jones, Louis Theroux - Jiggle Jiggle

 - Benson Boone - In The Stars

 - Julinho KSD, Harley Ksd - Popo

 - Calvin Harris, Dua Lipa & Young Thug - Potion

 - Bad Bunny, Bomba Estero - Ojitos Lindos

 - Post Malone with Doja Cat - I Like You (A Happier Song)

 - Mizzy Miles, Deejay Telio - Europa

 - Lost Frequencies ft. James Arthur - Questions

 - Salvador Seixas - Só Penso em Ti

 

Todas as músicas novas da rádio MEGA HITS em https://musicportugal.pt/tag/as+m%C3%BAsicas+novas+da+megahits.

 

21209764_urqkZ.png

20 de Junho, 2022

#musicportugalnorockinrio I O PRIMEIRO FIM DE SEMANA NA CIDADE DO ROCK

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

288870229_174502375026134_2547681801225471131_n.jp

20 de Junho, 2022

"MEMORÁVEL! UMA EXCELENTE EXPERIÊNCIA" A minha primeira vez no Rock In Rio Lisboa.

Desde pequeno que sempre gostei de ver os concertos do Rock In Rio que passavam na televisão. Dizia sempre que um dia gostava de estar lá no recinto para ver todas aquelas cores, o mar de gente que ocupa o recinto, o enorme Palco Mundo... O desejo finalmente realizou-se!

 

Não podia pedir melhor para a minha primeira vez no Rock In Rio. Quatro grandes nomes da música. Xutos, Liam Gallagher, The National e Muse. Os quatro têm a guitarra em comum, mas o tipo de música acaba por ser diferenciador entre eles. Cheguei ao recinto precisamente no início do concerto dos Xutos & Pontapés. Óbvio que já os tinha visto noutras ocasiões, mas a experiência de os ver na cidade do Rock, é outra coisa. São a banda da "casa" e contagiaram o público com os seus grandes clássicos. "A Minha Casinha" foi chave de ouro. Deviam de ver toda a gente a saltar e a cantar com a banda.

 

A seguir, chegou o Liam Gallagher. O seu sotaque britânico não deixou ninguém indiferente, com as suas piadas, mensagens de agradecimento e de que é fã do Bernardo Silva e do Rúben Dias, jogadores do Manchester City, equipa vencedora da Liga Inglesa deste ano. Confesso que muitas vezes não percebi o que ele disse. Também estava tão entusiasmado com aquilo tudo que estava a acontecer que nem apreciei o concerto a 100%. O concerto era do Liam, e não dos Oasis, por isso ficámos a conhecer o seu trabalho a solo, incluindo alguns temas do novo álbum, "C'mon You Know". Não foi preciso esperar muito para finalmente ver todo o público a vibrar com o "Wonderwall" e "Cigarettes and Alcohol". Agora, pausa para jantar!

 

Aproveitei para conhecer os cantos desta cidade. A Rock Street é a melhor zona do evento. Super colorida, cheia de mensagens inspiradoras, com imensos stands de comida e de marcas e ainda com um palco que também passa boa música. Vive-se o ambiente desta rua, enquanto se come uma pizza familiar (não fui sozinho).

 

Os The National começaram a horas e foi um verdadeiro espetáculo. A primeira vez que os vejo ao vivo. O Matt Berninger é um génio, tanto pelas letras, como pela sua voz arrepiante. Passou-nos completamente a sua energia. Não parou quieto em palco e andou de um lado para o outro e ainda foi para o meio do público. Coitado do rapaz que segurava o cabo do microfone. O cabo devia de ter uns 100 metros. O Matt desaparecia e ninguém sabia dele. Lá estava ele a cantar junto do público.

 

A noite ficou completa com o extraordinário concerto dos Muse. E que espectáculo que foi. Pareceu-me ouvir alguns problemas depois do primeiro tema, "Will Of The People", do novo álbum, porque o som da guitarra não chegava ou porque os ecrãs multimédia não estavam a acompanhar as transições de cada tema. Tivemos direito a músicas novas e aos grandes clássicos como "Uprising" ou "Starlight" que colocaram o público a cantar em uma só voz. O concerto dos Muse foi abençoado. A chuva começou a cair de forma sistemática a meio do concerto. Foi aí que aproveitei para sair do recinto e chamar um Uber para ir para casa. A chuva não parava, e eu que uso óculos não via nada à minha frente. Só via muitas pessoas, que como eu, estavam à procura do seu transporte para ir embora. Tive a sorte de encontrar um motorista que vinha a ouvir na rádio o concerto dos Muse. A viagem saiu cara a nível monetário, mas compensou porque consegui ouvir o resto do concerto da banda.

 

Se este dia foi incrível? Foi, sem sobra de dúvidas! Memorável! Uma excelente experiência!

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por MUSICPORTUGAL (@musicportugalpt)

 

 

287506341_5287731347969195_1629354377574940613_n.j

16 de Junho, 2022

"A PRIMEIRA CARTA" É O NOVO SINGLE DOS MAYONEZZE

"A Primeira Carta" é o nome do segundo single dos MAYONEZZE. Este novo tema fala sobre ser criança/adolescente e viver o primeiro amor à distância, em silêncio, abdicando das palavras ditas por palavras escritas.

 

Com este tema a banda faz lembrar que todos nós já passámos por esta fase um dia e todos nós ainda a temos cá dentro, o que muda com a idade são os interesses, as brincadeiras e a felicidade genuína que só um ser inocente onde tudo é novo pode acordar. Acreditam que a simplicidade e a espontaneidade associadas a um ser tão pequeno ainda vivem em nós desde que o tempo não as deixe adormecer.

O tema "A Primeira Carta" foi co-produzido por Ivo Magalhães e André Areias, gravado e misturado no 20k20Studio, masterizado pelo Miguel Pinheiro Marques no @Arda Recorders. Conta com as guitarras de José Meireles, Carlos Copek no baixo, Rui Eduardo na bateria e vozes de Márcia Carvalho.

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

MAYONEZZE.jpg

16 de Junho, 2022

#apoiamosotalentonacional I JOSÉ REZA - ELA GOSTAVA

"Ela Gostava" é a nova proposta musical de José Reza, uma música com sabor latino, batida certeira direcionada às pistas de dança, com um refrão muito forte que promete fazer mexer este Verão.

 

Uma viagem pelas nossas raízes, aos tempos de juventude, as primeiras ilusões e aventuras de amor. As aventuras de menino, o namoro às escondidas onde "não faltava nada"... Recordar os bailes à noitinha "sempre a apertar"... e "ela gostava". Afinal hoje a história repete-se e quem não de "carinhos, doces beijinhos"... Ela gostava... Eu Gosto.

 

Não deixes de ouvir o novo single de José Reza, vão gostar... "Ela gostava".

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

JOSÉ REZA.jpg

16 de Junho, 2022

MÚSICA NOVA DO DIA I João Couto ft. Perpétua - Pensa em Mim

João Couto lança o seu novo single "Pensa em Mim" em dueto com a banda revelação do indie nacional, Perpétua.

 

Pensa em Mim” é produzida por Pedro Pode (S. Pedro e doismileoito), responsável também pela produção de "Boa Sorte", o mais recente trabalho discográfico de João Couto, lançado em outubro de 2021 e considerado por imprensa especializada um dos melhores lançamentos pop portugueses desse ano.

 

Esta é uma canção que fala sobre um amor à distância, o lado mais humano das relações que nascem e crescem unidas por um ecrã: “Surgiu pouco tempo depois de ter acabado o ‘Boa Sorte’”, revela João Couto, “Sempre a imaginei como um diálogo, como algo a duas vozes.”

 

Foi aí que se cruzou com a música dos Perpétua: “Tive um pressentimento inabalável que eles eram a voz do outro lado da linha. A música deles tem uma espécie de nostalgia pelo presente, um gosto pelo melodioso e pelo groove que pressenti que ia encaixar na perfeição nesta música.”

Chegada a hora de levar a canção a estúdio e, juntando à mistura a produção de Pedro Pode: “Não havia a menor dúvida que a minha intuição estava certa.”

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

joao couto.jpg

15 de Junho, 2022

MÚSICA NOVA DO DIA I OS INTENCIONAIS - NÃO FUJAS DE MIM

Não Fujas de Mim” é o primeiro single da dupla Os Intencionais, uma canção que fala do verão, das praias, do calor e das tardes bem passadas entre amigos.

 

O Francisco Marques Silva (Silva) e o Henrique Ribeiro Fernandes (Henrique), conheceram-se quando o Silva e sua família se decidiram mudar de Lisboa para Vila Real de Santo António. A Música já os acompanhava desde bem pequenos, ora na Escola em várias formações, ora em bandas coletivas em que o Henrique era trompetista. Amigos desde o início da adolescência, unificaram-se na música à entrada do ano 2000, nesse ano começam a escrever e a compor as suas próprias canções. O Silva na altura com 16 anos e o Henrique com 20.

 

Nas noites daquele Algarve ainda bem alentejano, andavam de bar em bar, restaurante em restaurante a interpretar os folks americanos, clássicos da música portuguesa bem como as suas versões dos Beatles, Chico Buarque ou Caetano Veloso.

 

A partir de certa altura, começaram a espalhar os seus originais, sob o nome “Os intencionais” homenageando o poeta António Aleixo, natural da “Vila”- como os próprios a ela se referem.

 

Hoje, com 18 e 22 anos respetivamente, “Os Intencionais” mostram-nos na sua música uma abordagem própria que denota a influência dos grandes autores brasileiros e também elementos de criações contemporâneas da cultura hipster.

 

 

PLAYLIST MUSICPORTUGAL SPOTIFY - SÓ MÚSICA PORTUGUESA! ESTA MÚSICA JÁ LÁ ESTÁ! CLICA AQUI.

 

OS INTENCIONAIS.jpg

Pág. 1/2