Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MUSICPORTUGAL

APOIAMOS O TALENTO NACIONAL! 🇵🇹

16.03.17

Conspirações do mundo da Música - "Nicki Minaj faz playback de gravações acelaradas de Jay-Z?" / "Britney Spears ao serviço de Bush?"


Tiago Ferreira

3º EDIÇÃO [recorda a segunda edição clicando aqui]

Todos nós gostamos de música e de polémicas!!! Com tudo isto, muita gente é imaginativa demais. O resultado dessa mistura são as muitas teorias de conspiração e mitos que envolvem ícones do mundo pop, que servem para divertir uns e assustar outros. Já sabemos que vamos ouvir histórias bizarras, polêmicas ou engraçadas demais, por isso se quiser acredite ou não nestas conspirações!

EM DESTAQUE NA TERCEIRA EDIÇÃO: "Nicki Minaj faz playback de gravações acelaradas de Jay-Z?" / "Britney Spears ao serviço de Bush?"

 

 

 

NICKI MINAJ FAZ PLAYBACK DE GRAVAÇÕES ACELARADAS DE JAY-Z?

«Onika Tanya Maraj, mais conhecida como Nicki Minaj, tem alcunhas e alter egos para dar e vender. Porém, alguns teóricos da conspiração acreditam que toda a sua personagem é um género de alter ego de Jay.Z. O argumento neste caso é que Minaj contribui com a imagem e Jay-Z, com o rap. Obviamente, as faixas são aceleradas para perecerem cantadas por uma mulher. E como se provou isso? Abrandando canções de Nicki Minaj e chegando à conclusão de que a voz é idêntica à de Jay-Z. E se acelerarmos as canções do rapper? Dizem eles que parece mesmo Minaj!»

 

 

 

BRITNEY SPEARS AO SERVIÇO DE BUSH?

Algumas artistas femininas parecem instrumentos políticos... hoje falamos de Britney Spears. «Durante alguns anos atribulados na primeira década do século XXI, Britney travou uma guerra pública com a fama e cada um dos seus descalabros coincidiu com um constrangimento da administração Bush. Tendo em conta que não foram poucos, pode parecer mera coincidência. Porém, os teóricos da conspiração acreditam que há algo mais e as imagens de Spears a apoiar Bush no documentário "Fahrenheit 9/11" é o ponto de partida. Isso estabelece o apoio dela e as distrações bem cronometradas são a prova. A primeira ocorreu em 2004. A uma semana do julgamento do caso Estados Unidos contra Libby e com a administração Bush em risco de uma humilhação muito pública, Spears casou-se e descasou-se do seu amigo de infância Jason Alexander no espaço de três dias. Quem conseguiria prestar atenção às transgressões de Scooter Libby, com isso a acontecer? Em fevereiro de 2006, com o apoio a Bush a atingir mínimos históricos, Spears foi fotografada a guiar com o filho bebé ao colo. Lá veio a onda de indignação, não contra o o presidente, mas contra a estrela. Em novembro desse ano, imediatamente a seguir a uma vitória dos Democratas nas eleições intercalares e um dia antes de o Presidente Bush correr com Donald Rumsfeld do Ministério da Defesa, Spears correu com Kevin Federline da sua vida. Poucos meses depois, em fevereiro de 2007, dois dias antes de o "New Work Times" ter noticiado que a Al Qaeda estava a recuperar poder no Afeganistão, Spears rapou o cabelo. Dias depois, armou um escândalo numa estação de serviço, atacando os «paparazzi» com um guarda chuva. Em 2008, Spears acalmou, precisamente quando a administração Bush chegava ao fim.»

 

 

 

FONTE DA TERCEIRA EDIÇÃO DO ESPAÇO "Conspirações do mundo da Música": REVISTA BLITZ (EDIÇÃO DE FEVEREIRO 2017, Nº128) [aqui respeitamos os direitos de autor, por isso todo o texto retirado da revista foi colocado entre aspas e a negrito]

 

NOVO CONTEÚDO.png

 

Acompanhe as novidades da MUSICPORTUGAL no FACEBOOK em facebook.com/musicportugaltv

"CONSPIRAÇÕES DO MUNDO DA MÚSICA" - TAG/ETIQUETA: http://musicportugal.blogs.sapo.pt/tag/conspira%C3%A7%C3%B5es+do+mundo+da+m%C3%BAsica