Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MUSICPORTUGAL

APOIAMOS O TALENTO NACIONAL! 🇵🇹

17.06.16

(NOVO) Desabafar é que é bom! - EXAMES NACIONAIS


Tiago Ferreira

Exames.... ah, os exames! Chegou a altura preferida dos estudantes (tom irónico)! São meses a estudar para os exames, onde temos que estudar por exemplo para o exame de história, seis livros. Sim, seis livros, isto que equivale a mais de 600 páginas, visto que cada livro tem mais do que cem páginas. Como é que é possível estudar em tão poucas semanas 6 livros para um único exame?

É verdade que ao longo de todo o ano letivo, os professores avisam-nos de que temos muito que estudar para os exames, mas os professores são logo as pessoas que nos dão mais trabalho! Ao longo do ano escolar marcam imensos testes, grandes trabalhos, e com tudo isto, nem sobra tempo para nós. E queriam eles que nós estudasse-mos para os exames nesses tempos livres. Também precisamos do nosso tempo livre.

As aulas dos alunos do ensino secundário e alguns do 3º ciclo terminam sempre no início do mês de junho, e com isso sobra-nos cerca de duas semanas para estudar para um exame. Isto parece um desafio de sete cabeças, mas é bem pior. Enquanto que para um teste só precisamos de nos focar numa determinada matéria, para um exame, temos que nos focar em tudo, nada pode falhar, porque quem vai fazer um exame, não sabe o que sai, enquanto que num teste temos mais ou menos uma ideia do que pode sair. Ao longo destas semanas, ainda não pude dizer que estava de férias, pois a época de exames para mim ainda nem se quer tinha começado. TODOS OS DIAS (foi preciso escrever tudo em maiúsculas para dar a ideia de que para um exame é preciso estudar TODOS OS DIAS!) tenho que estudar, e tenho que conciliar matérias de português e de história. Eu sei que é um bocado dificil conciliar matérias distintas, mas é mesmo preciso faze-lo. Se pensarmos bem, se eu só conseguir focar-me numa disciplina, para o exame de portugues iria estudar durante duas semanas, e para o exame de historia teria apenas uma semana para estudar. E como é que uma semana chega para estudar tanta matéria de história?

Tudo leva-nos a crer, que já deviamos de estar a estudar para os exames, desde o inicio do ano letivo. Tive que conciliar a materia de português com a de história, o que é um bocado dificil. Diariamente, o meu estudo começava por volta das 11h00, onde só parava para almoçar, para lanchar e para jantar, e acabava de estudar pelas 23h00. Tu que estas a ler isto, deves estar a pensar que o que eu fiz é totalmente errado, e é verdade! Devemos de estudar durante alguns periodos, parar de vez em quando, etc. mas eu pensava - "tenho tanta coisa ainda para estudar, como é que eu vou ter tempo?". Foi por isso que estudava todas aquelas horas, mas já vi que nem deu muito resultado. O exame de portugues foi ontem, e posso sincero??? Não era assim tão simples! Mesmo que soubesse tudo, haveria sempre alguma coisa de que, ou não me lembro de estudar ou de que não sabia. "Felizmente há Luar", um bocado complicado, porque nao prestei muita atenção à obra, por achar um bocado entediante e dificil; "Poema de Luis de Camões", a parte mais fácil do exame, porque este poema fazia-nos lembrar um bocado os poemas de Fernado Pessoa sobre a nostaliga da infância; GRAMÁTICA, sim, a parte mais complicada deste exame, principalmente na área das escolhas múltiplas, porque em cada pergunta havia muitas rasteiras, o que dificultou muito o meu raciocínio; e a composição, a parte mais ou menos do exame... o tema da composição desta vez queria se basear na educação, e dava para falar muito sobre educação, mas e espaço para isso? Só temos 300 palavras para escrever, e eu excedi esse limite. Provavelmente porque nem disse assuntos interessantes, mas agora já nao ha mais nada a fazer!

O exame está feito, e agora não vale mesmo a pena pensar nisso! Agora temos que nos focar nos próximos exames, e esperar pelos resultados, para sabermos se devemos ou não inscrever na 2º fase, algo que de certeza absoluta vou fazer para o exame de português. Mas nem pensem que vou estudar durante mais um mês para este exame! Basta fazer pequenas revisões semanais para que não nos esqueçamos da matéria lecionada em português ao longo destes ultimos três anos escolares. Depois do exame de história, vou dizer literalmente que estou de férias, mesmo pensando que provavelmente terei que fazer a 2º fase de português e de história (ainda não sei!)

Também escrevo este artigo para criticar a excessiva matéria que nos obrigam a estudar para um exame, e a quantidade de exames que existem no nosso pais. Temos mais de 30 exames/disciplinas ao nosso dispor! Absurdo.... um exame não vai mostrar ao ministério, ou a escola, ou aos professores a competência de um aluno. Até podemos tirar má nota no exame, mas isso não quer dizer que o aluno nao saiba nada! Podia estar a discutir este assunto o dia todo, mas olhem tenho que estudar para o exame de historia!

"Estudar compensa!", foi o que a minha professora de português nos disse, e espero que bem que este estudo excessivo e cansativo seja compensativo, pois o exame de português é um exame fundamental para a minha prova de ingresso numa faculdade. Desejo a todos BONS ESTUDOS, e pensem que daqui a nada já estão de férias!!!!!

desabafar é que e bom.png

NOVO ESPAÇO DE OPINIÃO DA MUSICPORTUGAL, escrito e redigido pelo nosso diretor! O que mais ele anda a pensar? Lê aqui: http://musicportugal.blogs.sapo.pt/o-futuro-da-musicportugal-120604