Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MUSICPORTUGAL

APOIAMOS O TALENTO NACIONAL! 🇵🇹

05.11.20

RICARDO DE SÁ - NOITE (letra)


Tiago Ferreira

Passa a noite e levou tudo

Ainda não é tarde

Ainda 'tou em Marte

Com essas curvas doutro mundo

O teu olhar é arte

E já faz parte

Da postura que assumes

Eu quero ter o teu jogo

Eu posso dar-te o meu corpo

Eu posso dar-te o meu todo

 

Tantas vezes no compasso da ilusão

Fiquei parado no quarto

Mover do chão

Não é fácil para teres a noção

Mas enfrento essa postura como alguém à tua altura

 

Eu não sinto mas estou firme

‘Tou atento ao nosso ritmo

Se voltasse ao mesmo sitio

Ao vício do início

Tu já não vais querer mais voltar atrás

As mágoas são passado

E já não vão servem mais

 

Passa a noite e levou tudo

Ainda não é tarde

Ainda 'tou em Marte

Com essas curvas doutro mundo

O teu olhar é arte

E já faz parte

Da postura que assumes

Eu quero ter o teu jogo

Eu posso dar-te o meu corpo

Eu posso dar-te o meu todo

 

Agora diz-me vais ficar ou não

Mesmo assim tu vais embora ou não

A chama ainda tá acesa

Deixas-te marcas sobre a mesa

Sabes que eu não vou estar lá fora

Se fores desistir

Guarda a raiva

Deita fora

Deixa-me investir

Que és parte de mim

E eu parte de ti sou

 

Passa a noite e levou tudo

Ainda não é tarde

Ainda 'tou em Marte

Com essas curvas doutro mundo

O teu olhar é arte

E já faz parte

Da postura que assumes

Eu quero ter o teu jogo

Eu posso dar-te o meu corpo

Eu posso dar-te o meu todo

 

Passa a noite

Passa a noite

Passa a noite...

 

 

RICARDO DE SA NOITE.jpg